19/12/2015

Do lixo ao luxo

Há uns meses atrás liga-me o T. e diz "vê o sms que te enviei e diz-me se queres que guarde a cadeira que está aqui no lixo". Desligo, olho para a foto enviada por sms e respondo "QUERO!!"
Tinha acabado de criar um monstrinho, porque o T. começou a olhar para o lixo com outros olhos e depois deste episódio, seguiram-se outros, com peças que serão recuperadas a seu tempo.


Voltando à cadeira, estava em muito mau estado, na verdade só se aproveitada o design, e esse sim era bonito e com potencial.



Pedi ajuda ao P. para retirar toda a estofagem e quando a levei para o Artlier estava uma verdadeira carcaça.


Só aí me apercebi que em algum momento da vida desta cadeira, os pés e os braços foram pintados de preto, por isso o trabalho consistiu, em primeiro lugar, em retirar todos os vestígios de tinta. Foi lindo ver aparecer os pés em latão, que estavam perfeitamente disfarçados.


Seguiu-se a colagem de algumas partes e o polimento com goma laca e cera. Depois de escolher a napa, a estofagem foi obra da M.J. que também frequenta o Artlier.
O resultado ficou lindo e a cadeira não poderia ficar melhor cá em casa :)



SHARE:

Sem comentários

Publicar um comentário

© Anantique. All rights reserved.