02/10/2017

Pura Vida em Sintra


Um casamento em Cascais levou-nos a passar o fim-de-semana para aquelas bandas. Procuramos onde ficar e tudo o vimos próximo do Farol da Guia ou era muito caro ou bastante feio. Acabamos por encontrar o Pura Vida Atlantic Lodge a uns 10 km, na Azoia - Colares.



O lodge é composto por um moinho, também ele um quarto e 6 suites à sua volta. O espaço está muito bem cuidado, tem uma pequena piscina e uma vista que se expande para lá do Guincho. O silêncio e tranquilidade são absolutos.


Aproveitamos estar próximo da serra da Sintra para visitar dois sítios magníficos: o convento dos Capuchos (Convento da Cortiça ou de Santa Cruz) e o Santuário da Peninha.

O Convento franciscano dos Capuchos foi fundado em 1560 e construído de acordo com uma filosofia de extremo despojamento arquitetónico e decorativo. De dimensões reduzidas e notável pela extrema pobreza da sua construção, é também conhecido como “Convento da cortiça”, dado o uso extensivo da cortiça na proteção e decoração dos seus pequenos espaços. A edificação integra-se totalmente na natureza envolvente incorporando até enormes fragas de granito. A exiguidade dos espaços, corredores e portas do convento, mais parece uma extensão do Portugal dos pequeninos, mas não, deve-se apenas à humildade e despojamento do quotidiano destes religiosos.

Este convento é tão especial, que em 1581, Filipe I de Portugal (II de Espanha) visitou o eremitério tendo, nessa altura, proferido a célebre afirmação "De todos mis reinos, hay dos sitios que mucho estimo, el Escorial por tan rico y el Convento de Santa Cruz por tan pobre."


O Santuário da Peninha é formado pela capela fundada por Frei Pedro da Conceição, no século XVII e pelo palacete que se assemelha a uma fortificação, construído em 1918. O mais surpreendente neste sítio é mesmo a vista, já que daqui se pode avistar desde as Berlengas, a Norte até ao Cabo Espichel, a sul.


Sintra tem mil e um encantos e sem dúvida que este fim-de-semana descobrimos dois deles.
SHARE:

Sem comentários

Publicar um comentário

© Anantique. All rights reserved.