10/04/2020

Artesãos contemporâneos


Os produtos feitos à mão fazem parte da nossa história, mas foram tornando-se cada vez mais raros, à medida que as sociedades começaram a industrializar-se. Mas o mundo está a mudar e hoje, assistimos a uma espécie de renascimento da produção artesanal.

Há várias coisas em que pensamos quando compramos algo – a marca, o preço, o estilo, os materiais – mas os consumidores estão cada vez mais preocupados com a forma como os produtos são fabricados. Essa linha de pensamento, identificada como consumo responsável, é um movimento liderado pela geração Millennials e que procura causar um impacto positivo no mundo através das opções de consumo diárias. Com os olhos no futuro, repensa-se o impacto do consumo desenfreado e recuperam-se os velhos ofícios que fazem parte da nossa tradição.


Também um número cada vez maior de marcas tem vindo a perceber esta necessidade e tendência, apostando na criação de linhas que resultam de parcerias com artesãos.

Assim, existem algumas razões gerais pelas quais comprar produtos artesanais pode ser bom para todos:
* Sustentabilidade económica: o artesanato pode gerar um sustento digno para os artesãos e suas famílias
* Ambiente: a produção artesanal é melhor para o ambiente;
Desenvolvimento social: trabalhadores com melhores condições de vida contribuem para o desenvolvimento das suas comunidades;
* Qualidade e durabilidade: Produtos bem confecionados duram muito mais.

E qual a relação da tradição com o design? Quantas tradições, costumes ou artes vimos morrer por asfixia?
Felizmente, um cada vez maior de artesãos herdou a tradição mas adapta-a ao seu tempo e projeta-a para o futuro. O design pode ser o oxigénio para manter vivas essas tradições, sem nunca perder de vista o necessário equilíbrio.


Isto significa que o artesanal não tem de ser popularucho, pelo contrário, o artesanal pode ser a perfeita simbiose com um ambiente minimalista. Não há nada que faça mais uma casa tornar-se num lar do que as nossas pessoas e as histórias das peças que escolhemos.


Por tudo isto, porque o nosso país esta cheio de artesãos talentosos, que devem ser apoiados, porque gosto de me debruçar sobre o assunto, vou dedicar os próximos tempos a “descobrir” artesãos e escrever sobre eles. Acompanham-me?

Créditos fotográficos: 1 e 2: http://www.javiersmedina.com/  3: Revista Time Out  4: https://arkstudio.pt/
SHARE:

2 comentários

  1. Olá Ana, é uma excelente ideia, pois apesar de serem raros, a verdade é que há ainda muita gente criativa a laborar com as mãos. Por vezes não sabemos onde os encontrar e esta é uma ótima iniciativa para descobri-los. Beijinho, fique bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Val, quanto tempo! Também achei que seria um desafio giro e interessante. Espero não defraudar :)
      Beijinho

      Eliminar

© Anantique. All rights reserved.